Servidores indignados com ameaça do governo de atrasar salário

Governador falando a servidores do Estado (Foto: Arquivo/PSB-PB)

Servidores estaduais reagiram com indignação à ameaça do Governo do Estado de atrasar salário caso não reverta decisão do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) que estendeu a Bolsa Desempenho da Polícia Militar aos inativos da corporação.

A reação pode ser vista nos comentários que diversos funcionários fizeram à matéria publicada ontem por este blog, trazendo declarações do procurador-geral do Estado, Gilberto Carneiro, sobre as consequências da decisão do TJPB que, segundo ele, o governo não tem condições financeiras de implantar.

Entre os servidores que se manifestaram, alguns acreditam que a suposta economia com a não implantação do benefício para os reformados da PM é pretexto, desculpa ou meio de a atual gestão fazer caixa para a campanha eleitoral do próximo ano.

“Essa conversa de que vai faltar dinheiro para outros gastos é manobra para sobrar dinheiro para a próxima eleição. O Estado tem sim condições de igualar os vencimentos dos PMs inativos com os ativos. Isso sempre aconteceu e sempre os reformados ganhavam mais do que os da ativa, mesmo quando o efetivo da PM era maior do que o de agora. Basta boa vontade e respeito a quem deu o sangue pela sociedade paraibana”, escreveu João Pedro.

Por sua vez, Geraldo Ramos acredita que se o atraso no pagamento de salários vier a se concretizar será por pouco tempo. “Afinal, ano que vem haverá eleição e já está mais do que na hora de a população se conscientizar da necessidade de destronar governos ditadores, enganadores e mentirosos”, observou.

Na mesma linha de raciocínio e expectativas, Josafá adverte: “O governador pensa que os reformados não têm valor pra nada mais, depois que votaram nele, mas esquece que a política vem aí e ele que me aguarde”. Monteiro, outro servidor, acrescenta: “2018 vem logo ali!”.

“Terrorismo judicial”

Outros funcionários do Estado entendem que a ameaça de atrasar salário nada mais é que mais uma forma de o governo intimidar o Poder Judiciário estadual, que não teria força para fazer com que o governador cumpra as decisões de juízes e desembargadores.

“A Justiça perdeu a força, não tem poder para mandar o governador cumprir a lei”, critica Inaldo, concordando com Ricardo, para quem “ele (o governador) faz isso para desmoralizar o Judiciário, para mostrar quem manda”, lembrando que os PMs paraibanos recebem o pior salário do país e foram enganados na campanha de reeleição de Ricardo Coutinho, que prometeu pagar ‘risco de vida’ e Bolsa Desempenho aos inativos da corporação.

Por essas e outras, Vamberto entende que a atitude do governo é uma “uma falta de respeito às decisões da Justiça” e garante que “os espíritos do mal estão mesmo na Paraíba, neste momento”, enquanto José acusa o “procurador particular de Ricardo Coutinho” (refere-se a Gilberto Carneiro) de praticar o que chama de “terrorismo judicial”, pois só saberia “recorrer, apelar, procrastinar, descumprir ordem judicial, revogar veredito de causa transitada e julgada e burlar a Constituição com codificados e terceirizados em setores essenciais do serviço público”.

Por fim, vem Ronaldo e recomenda ao governo parar de gastar com propaganda, cortar salários de aspones bajuladores, abastecer veículos oficiais com etanol e colocar energia solar fotovoltaica nas repartições públicas estaduais. Com isso, sobraria dinheiro para pagar direitos conquistados pelo funcionalismo público e cumprir promessas de campanha.

12 Comente Servidores indignados com ameaça do governo de atrasar salário

  1. Ricardo Disse:

    O Governo tem a prática contumaz de humilhar, desprezar, perseguir, vilipendiado os militares estaduais em seus direitos e sentimentos.
    O militares vivem nas casernas abaixo da mão pesada de um governante que não mede esforco, ética, moral para demostrar seu poder soberano, utilizando como principal instrumento o medo.
    O Governador é o comandante e chefe dos militares e os subjulga com atitudes perversas a exemplo de:
    – Pagar o PIOR SALÁRIO do país;
    – Promoção como, quando e quem quer;
    – Promoção por MERECIMENTO POLÍTICO, tolhendo os mais dedicados;
    – Ausência de armamento e equipamentos mínimos necessários à defesa contra marginalidade e seguranca;
    – Falta de Assistência Médica e hospitalar;
    – Altos Gratificações aos Ofíciais que se submetem aos desmandos do Governo;
    – …
    Diante do tratamento dispensado aos militarrs estaduais que fere os Direitos Humanos, só ha um farol a se guiar, bater as portas O PODER JUDICIÁRIO.
    Os ILUSTRES SENHORES DESEMBARGADORES reconhecem UM dos Direitos cerceado pelo GOVERNO aos militares, daí ouvimos do ventriluco do Goverrnador, o senhor PROCURADOR AMEAÇAS explícitas com argumentos falsos, tentado impedir pela FORÇA que MAGISTRADOS CORRIJAM UMA ILEGALIDADE.
    O GOVERNO deve estar imaginando que os Senhores Desembargadores são os milicos sob seu mando e não percebeu que se trata de outro PODER, com pessoas de inteligência privilegiada que foram alçados a TAL posição por méritos próprios e tem autonomia.
    Aguardamos com ESPERANÇA O DESFECHO do imbróglio causando pela politicagem do Governo que não aceita OBEDECER A LEI QUE ATRAPALHAR SEU INTERESSE DE MANUTENÇÃO DO PODER .

  2. Soalves Disse:

    Veja também as diárias do Detran q já estão atrasadas há dois meses. Na última reunião do superintendente, ele informou que não tinha ainda uma previsão. Só peço por favor não divulgar meu email também pois muitos conhecem e tenho medo de retaliações. Obrigada

  3. nrmota Disse:

    O inativo, seja ele de que área for, merece respeito. Vidas inteiras dedicadas a Sociedade e ao serviço público. Esse socialista foi erradamente eleito, não para massacrar nos eleitores, mas para melhorar a qualidade de vida de todos. Creio que, essa de atrasar salários é uma cortina de fumaça que o Reicardo está plantando, para esconder a nossa realidade, ou seja O ESTADO ESTÁ FALIDO. REICARDO QUEBROU O ESTADO.
    Em 2018, FORA O FASCISMO E O “SOCIALISMO” TUPINIQUIM: OPERAÇÃO LAVA VOTO.

  4. A justiça paraibana, é está saturada de tanto processos judiciais, e ela deve se ater que a atual gestão executivo estadual, será alvo, será alvejada com inúmeras ações que virão por vim, pelo simples fato de não cumprir direitos.

  5. valdeci Disse:

    Companheiros da ativos e inativos se por acaso isso acontecer de atrasar o salário para toda a polícia inativo da ativa para todo mundo porque você é uma manipulação aí vamos sim ter certeza se isso acontecer que o governador está por cima da carne e a justiça está desmoralizado

  6. FRANCISCO DE ASSIS SILVA Disse:

    LAMENTAR A FORMA DESRESPEITOSA COM O GOVERNO SE DIRIGIR A SOCIEDADE E EM ESPECIAL AO PODER JUDICIÁRIO, FAZENDO DEBOCHE COMO SE O DUODÉCIMO FOSSE UM FAVOR DO GOVERNO DE PLANTÃO.
    OS POLICIAIS VIVEM SENDO PERSEGUIDOS E HUMILHADOS NO SEUS DIREITOS POR UM GOVERNADOR QUE SE APESENTADO COMO UM DESCUMPRIDOR DE ORDEM JUDICIAL.

  7. Ricardo faltou com a verdade com os militares ativos e inativos, não merece ser votado.

  8. Político que não conhece Deus. Veja seu guia quem é? Quem dirige os passos desse ricardo (…) Mas a mão de Deus vai fazer justiça. Espere e veja quem é nosso Deus. Em nossas mãos está o poder de decisão e nas mãos de Deus está o de julgar e executar. Deus abençoe nossa Paraíba e sua gente.

  9. Amadeu Robson Machado Cordeiro Disse:

    É muito difícil a situação dos servidores públicos. O governo realmente constrói, realiza obras de estradas e outras mais que beneficiam populações carentes. DIZEM que por isso existe retorno…. ganha de um lado e do outro tem o apoio dessa população, infelizmente, desprovida de melhor entendimento. O funcionalismo público é insignificante. INFELIZMENTE.

  10. Itamar Disse:

    2018 vem aí mim aguarde

  11. Itamar Disse:

    Com certeza minha família meus filhos meus pais não vota mais nesse governo e vou trabalhar pra tirá-lo do governo trabalho de graça pra outro só pra tirar esse governo ditador que aí estar massacrando o funcionário público espere governador 2018 é logo ali aguarde

  12. Washington Masculino de miranda Disse:

    Sou reformado da pmpb,senhor governador ricardo coutinho pode atrasar os salários dos servidores da ativa e inativa, eu e minha família faremos justiça em 2018, esse governo não tem respeito por nenhum servidor.

Comente

Não publicamos ofensas pessoais. O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *