APESAR DE TUDO… por Robson Nóbrega

Os últimos quatro anos reinseriram o Brasil no Mapa da Fome. Hoje, 116 milhões vivem sob insegurança alimentar (Foto: RBA)

Fiz o texto a seguir em resposta a um vídeo fake, mais uma montagem grosseira da fábrica de mentiras e ódio instalada no Brasil desde 2018. A ‘obra’ me foi enviada por um professor doutor da UFPB, ainda bolsonarista. Expõe palavras e imagens editadas para mostrar suposto posicionamento de Lula e Dilma contra as igrejas evangélicas. Evangélico que sou, sei bem distinguir entre a verdade dos fatos e o fundamentalismo fascista.

***

Boa noite, meu irmão, meu caro doutor.

Pensei que depois de tantos desmandos, de tantos cortes de verbas das universidades, de tanta violência contra a soberania das instituições federais de ensino superior (com nomeação de reitores biônicos)…

Depois de tanta destruição da cultura, de tanto ataque aos direitos trabalhistas, à aposentadoria, às reservas ambientais; depois de tantos assassinatos de indígenas, de tanto estímulo às queimadas na Amazônia, da entrega do Pré-Sal e da Base de Alcântara…

Pensei que depois da inflação galopante (com reajustes constantes de combustíveis, alimentos, remédios), das quase 400 mil mortes pela Covid (com discursos explícitos e atitudes criminosas contra o uso de máscara, distanciamento social e também contra vacinas); depois de tanto incentivo ao uso de cloroquina e outros medicamentos comprovadamente ineficazes contra o novo coronavírus…

Pensei que depois da coligação com o que há de mais corrupto na política, aí incluído o famigerado Centrão; depois dos palavrões, da homofobia, da misoginia, do racismo, da própria corrupção em família, do apoio a milícias armadas e tantos outros desmandos…

Jamais imaginei que o nobre mestre – com inteligência acima de muitos mortais – fosse capaz de divulgar vídeo com montagem tão grosseira que tenta jogar os evangélicos contra os governos petistas, pois foi justamente nos governos do PT que inúmeras igrejas evangélicas floresceram e foram implantadas.

Pensei mesmo que você, caro doutor, estivesse arrependido do seu voto em 2018. Vejo que não, infelizmente. Embora pareça ser aquela coisa de não dar o braço a torcer, enquanto o Brasil padece sob tanta desumanidade.

Uma pena, pena mesmo, querido mestre. Mas, apesar de tudo, desejo com absoluta sinceridade a paz do Senhor na sua vida e na vida dos seus.

Com respeito, seu amigo e admirador,

Robson

Uma resposta para APESAR DE TUDO… por Robson Nóbrega

  1. Múcio escreveu:

    Como já disse alguém “O amor é cego e cega”. imagine a devoção!