Jornal revela que Lava Jato aceita delação de Palocci se ele incriminar Lula

Em 20 de abril último, Palocci disse a Moro que tinha muito a falar (Imagem do depoimento)

Exatamente um ano após noticiar que ‘Delação de sócio da OAS trava após ele inocentar Lula’, a Folha de São Paulo revela hoje (31) que para fechar acordo de delação premiada com Antônio Palocci os procuradores da Lava Jato exigem que o ex-ministro incrimine o ex-presidente.

LEIA MAIS

Empresas investigadas na Lava Jato doaram para quase todos de todos os lados na Paraíba. Veja lista

“Não tem ‘santo’ nessa história”, diriam lá em Bananeiras sobre os políticos de maior expressão da Paraíba e as generosas doações que receberam de financiadores de campanha envolvidos em escândalos de corrupção investigados pela Operação Lava Jato.

LEIA MAIS

A ganância desmedida de quem já tem muito ou tudo

  • Por Rubens Nóbrega

Além do semanão de R$ 500 mil para a dupla Temer-Loures, o que daria R$ 480 milhões em propina vintenária, outra coisa que muito me impressionou nessa história foi a prisão de um Procurador da República acusado de ser espião da Friboi na investigação do próprio Ministério Público Federal (MPF) sobre esquema de corrupção financiado pelos irmãos Joesley e Wesley Batista.

LEIA MAIS

Deputados paraibanos viajam para apoiar Lula em Curitiba

Frei Anastácio e Anísio Maia vão apoiar Lula em Curitiba (Fotomontagem: MaisPB)

Os deputados estaduais petistas Anísio Maia e Frei Anastácio e o socialista Jeová Campos estarão em Curitiba (PR) nesta quarta-feira (10) para participar de manifestações e caravanas que se deslocam até a capital paranaense para acompanhar o depoimento do ex-presidente Lula ao juiz federal Sérgio Moro.

LEIA MAIS

A delação premiada e o Direito Talmúdico, por Samy Pinto

(Ilustração: Ambiente Legal)

Uma prática da justiça tem se tornado um assunto habitual entre os brasileiros e tomou conta dos noticiários: a delação premiada. A expressão jurídica, que pode ser entendida como “uma troca de favores”, encontrou espaço no centro do debate político do país.

LEIA MAIS

Ministro paraibano ouvirá mais dois da Odebrecht que podem complicar Temer e Dilma

Herman Benjamin, relator da ação que pode cassar Dilma e Temer no TSE (Foto: TSE)

O ministro corregedor-geral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o paraibano Herman Benjamin, decidiu ontem (23) ouvir o depoimento de mais dois executivos da Odebrecht, além dos três já definidos na quarta-feira (22), no processo de cassação da chapa de Dilma Rousseff e de Michel Temer que tramita na Corte.

LEIA MAIS

Deputado paraibano considera Gilmar Mendes suspeito para assumir Lava Jato

Deputado estadual e advogado militante, além de Professor de Direito, o deputado estadual Jeová Campos (PSB) disse hoje (23) que o ministro Gilmar Mendes deveria se averbar suspeito caso venha a ser escolhido novo relator dos processos da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF).

LEIA MAIS

Nas mãos de quem viverá ou morrerá a Lava Jato?

Há vários caminhos e todos dependem da ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), diz o portal Migalhas, especializado em assuntos jurídicos. Que descreve, a seguir, as alternativas possíveis de serem adotadas para dar andamento aos processos da Operação Lava Jato no Supremo.

LEIA MAIS

Temer se diz cansado de ‘apanhar injustamente’ e senador apanha no Recife

Michel Temer (Foto: Dida Sampaio/Estadão)

Sob o título ‘A luta de Temer entre a pinguela e a tormenta’, a colunista Vera Rosa, de O Estado de São Paulo, diz que o presidente confessou a um amigo que “está cansado de apanhar injustamente”. Já em Recife, um senador apanhou, literalmente. Apanhou e deu, conforme revela em nota à imprensa.

LEIA MAIS

Ricardo ameaça processar jornalista que perguntou sobre Lava Jato

Ricardo Coutinho (Foto: Arquivo/JP online)

Ricardo Coutinho (Foto: Arquivo/JP online)

Em menos de um mês, o Supremo Tribunal Federal (STF) reafirmou em dois processos oriundos da Paraíba a sua jurisprudência em favor da liberdade de imprensa e restaurou o direito do jornalismo independente – ou o que restou dele neste Estado – de criticar ou publicar fatos ou denúncias que envolvam Ricardo Coutinho. Mas

LEIA MAIS

Leia relatório da PF que desmonta delação contra Lindbergh Farias

Youssef e todos os outros delatores da Lava Jato desmentiram Paulo Roberto Costa

Youssef disse que jamais esteve com Lindbergh para entregar dinheiro “de” Paulo Roberto  (Fotos: O Globo)

Considerado o principal ou no mínimo um dos maiores delatores da Operação Lava Jato, o ex-diretor da Petrobrás Paulo Roberto Costa não teve confirmada pela Polícia Federal qualquer de suas tentativas de incriminar o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) no esquema de propinas do chamado Petrolão.

LEIA MAIS

PF pede arquivamento do inquérito contra Lindbergh na Lava Jato

O paraibano Lindbergh Farias, senador pelo PT-RJ (Foto: Valter Campanato | Agência Brasil)

O paraibano Lindbergh Farias, senador do PT-RJ (Foto: Valter Campanato | Agência Brasil)

“A Polícia Federal sugeriu o arquivamento do inquérito contra Lindbergh Farias (foto) na Lava-Jato. O relatório, do delegado Luiz Gustavo de Souza Carvalho, conclui que não há indícios mínimos para prosseguir com a investigação ou pedir o indiciamento do petista”, informa na manhã desta terça-feira (8) o blog de Lauro Jardim, de O Globo.

LEIA MAIS

Teori prorroga inquérito da Lava Jato contra Vital Filho

Vital Filho sob investigação até fevereiro de 2017 (Foto: Agência Brasil)

Vital Filho sob investigação até fevereiro de 2017 (Foto: Agência Brasil)

A versão online do jornal O Estado de São Paulo publicou na manhã deste domingo (30) a informação de que na sexta-feira (28) o ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou a prorrogação – até 2 de fevereiro de 2017 – do inquérito contra o ex-senador e atual ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Vital do Rêgo Filho.

LEIA MAIS

Eduardo Cunha: “Eu quero falar, eu vou falar”

(Ilustração: Tribuna da Internet)

(Ilustração: Tribuna da Internet)

Preso em uma cela individual de 12 metros quadrados na carceragem da Polícia Federal em Curitiba (PR), o ex-deputado cassado Eduardo Cunha disse ontem (20) a seus advogados que está disposto a prestar informações para colaborar com as investigações da Operação Lava Jato.

LEIA MAIS

Delator entrega a Moro notas de caixa 2 para campanha de Vitalzinho

Léo Pinheiro (Foto: Reprodução)

Léo Pinheiro (Foto: Reprodução)

“O ex-presidente da OAS Léo Pinheiro entregou ao juiz Ségio Moro notas fiscais e comprovantes de transferências da empreiteira para uma construtora no interior da Paraíba que, segundo ele, foram utilizadas para lavar R$ 1,5 milhão de caixa 2 para a campanha do hoje ministro do Tribunal de Contas da União Vital do Rêgo (PMDB) ao governo daquele Estado em 2014″, revela matéria publicada na manhã desta terça-feira (4) no portal do jornal O Estado de São Paulo (Estadão).

LEIA MAIS

Empreiteiro detalha ‘negociação’ com Vital a Moro. Veja vídeo

Leo Pinheiro, da OAS (Foto: Paraná Portal)

Léo Pinheiro, da OAS (Foto: Paraná Portal)

O ex-presidente da OAS Léo Pinheiro confirmou hoje (13) em Curitiba (PR) ao juiz Sérgio Moro que os ex-senadores Gim Argello (PTB-DF) e Vital do Rego (PMDB-PB) cobraram R$ 5 milhões para frear a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da Petrobras, presidida em 2014 pelo paraibano que hoje é ministro do Tribunal de Contas da União (TCU).

LEIA MAIS

Aguinaldo Ribeiro será ouvido hoje por Sérgio Moro

Vital Filho e Aguinaldo Ribeiro (Fotomontagem: martinsogaricgp.blogspot.com)

Vital Filho e Aguinaldo Ribeiro (Fotomontagem: martinsogaricgp.blogspot.com)

O juiz Sérgio Moro, de Curitiba (PR), vai ouvir hoje (24) oito pessoas – entre elas o deputado federal paraibano Aguinaldo Ribeiro (PP) – no processo da Lava Jato contra o ex-senador Gim Argello (PTB-DF), acusado de cobrar propina de empreiteiros para dispensá-los de falar a duas CPIs da Petrobras em 2014.

LEIA MAIS

TCU libera troca da Mendes Jr. na Transposição

(Foto: brasileiros.com.br)

(Foto: brasileiros.com.br)

O Ministério da Integração Nacional anunciou na tarde desta quarta-feira (10) que o Tribunal de Contas da União (TCU) liberou a substituição da Mendes Júnior na obra da transposição do São Francisco. A construtora era responsável por trechos indispensáveis à conclusão do Eixo Norte, que beneficiará diretamente todo o Sertão da Paraíba a partir de Cajazeiras.

LEIA MAIS

Uol destaca paraibanos entre líderes do Congresso processados ou investigados

cássio e lindbergh

Cássio Cunha Lima (PSDB) e Aguinaldo Ribeiro (PP) estão entre os líderes do Congresso que respondem a processos na Justiça ou são investigados por operações como a Lava Jato e são citados em manchete do Uol publicada na manhã desta quarta-feira (13) sob o título ‘Mais da metade dos líderes do Congresso tem ocorrências judiciais”.

LEIA MAIS

Renan quer votar dia 13 projeto que puniria ‘abusos’ da Lava Jato

LEIA MAIS

Octávio Paulo Neto: “Lava Jato é um ponto fora da curva”

Entrevistado pela CBN João Pessoa na tarde desta segunda-feira (27), o Promotor de Justiça Octávio Paulo Neto criticou os sinais contraditórios que a Justiça emite quando adota posturas e decisões firmes e rápidas em “casos massificados pela mídia”, mas não estende a mesma determinação ou celeridade a outros processos que, apesar de semelhantes àqueles, não rendem manchete nem impactam a opinião pública.

LEIA MAIS

Empreiteiro confirma pagamento de propinas ao PT através de Vaccari

“Político quando está em campanha, ele só se preocupa com a receita e não controla despesas.” A opinião é do dono da empreiteira UTC, Ricardo Pessoa, ao analisar os repasses de propinas que eram feitos em dinheiro em espécie para políticos, em depoimento ao juiz federal Sérgio Moro, em Curitiba, nesta quinta-feira, 16. O empreiteiro foi uma das testemunhas de acusação contra o marqueteiro do PT João Santana e o dono da Odebrecht, Marcelo Bahia Odebrecht.

Assim O Estado de S. Paulo abre na manhã desta sexta-feira (17) uma das principais matérias da editoria de Política publicadas em seu portal (politica.estadao.com.br). “Pessoa confirmou em juízo que pagava propinas ao PT, via ex-tesoureiro João Vaccari Neto, por ordem do ex-diretor de Serviços da Petrobrás Renato Duque – indicado pelo partido ao cargo. E também que repassou valores em espécie, que não eram de propina, a pedido dos políticos”, acrescenta o jornal.

Leia a matéria completa clicando aqui.