ECOCÍDIO PODE LEVAR BOLSONARO A JULGAMENTO, por Rodolfo Vasconcellos

Até que enfim alguém está conseguindo enxergar o tamanho da catástrofe, pois impedir esse monstro de falar e se locomover não se trata de “avançar” sobre a autonomia de uma Nação ou de tentar desqualificar uma liderança sua.

Tratamos aqui de uma articulação internacional de juristas e ativistas em defesa de um patrimônio da humanidade e de um povo criminosamente usurpado no seu direito de escolher, em um processo sem fraudes, seu presidente.

Tratamos do resultado dessa usurpação que desaguou nessa diarreia moral, nesse “storm” patológico, nessa aberração engendrada num descuido da mãe Natureza e que busca vingança pela ousadia de lhe ter dado vida.

Tratamos de milicianos empoderados ou entocados, de militares reformados e adeptos da tortura infiltrados em mais de 140 postos da Administração Pública, inclusive Ministérios.

Tratamos de fobias desvairadas que transformam em caça – a serem abatidas por fuzil com mira telescópica – os pretos favelados, os pobres que acreditaram em suas Fakenews, a população LGBTT+.

Tratamos de um inimigo gratuito dos povos indígenas, dos quilombolas, da Floresta Amazônica, dos santuários ecológicos, das ONGs, dos artistas, dos professores, da liturgia do cargo de Presidente da República, dos organismos internacionais, da História, da Filosofia, da Sociologia, dos programas sociais…

É disso que tratamos.

Que seja levado à Corte de Haia para que a vida continue tendo uma chance.

  • • Rodolfo Vasconcellos autointitula-se “Caçador de Golpistas”
  • • Ilustração: Fotomontagem copiada do Blog do Rovai

Comente

Não publicamos ofensas pessoais. O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *