Professores da Paraíba inovam ensino com jogos de raciocínio

Amauri Marinho e Milane Oliveira, primeiros colocados (Foto: CDI Comunicação e Marketing)

Milane Oliveira, Amauri Marinho, Gledson Guimarães e Thiago Nascimento trabalharam temas como equações e geometria com a ajuda de metodologia inovadora

Cinco professores da rede estadual da Paraíba apresentaram hoje (4) em João Pessoa, em evento realizado no Lyceu Paraibano, projetos envolvendo jogos de raciocínio para desenvolver habilidades socioemocionais e cognitivas dos alunos.

As escolas estão entre as 63 unidades no estado que aplicam o Programa MenteInovadora, desenvolvido pela Mind Lab, empresa que se apresenta como líder mundial em pesquisa e desenvolvimento de tecnologias educacionais inovadoras, que integra jogos de tabuleiro à grade de aulas para mais de 15 mil alunos.

Por meio de jogos de raciocínio, Milane Oliveira e Amauri Marinho desenvolveram um projeto, com alunos do 7º ano do Ensino Fundamental, para estimular o aprendizado de geometria, operações com números naturais e plano cartesiano.

“Sabemos que a matemática é vista como uma disciplina chata, desestimulante e de difícil compreensão, são práticas como essa que ajuda a tirar essa visão da mente dos alunos e estimula o gosto pelo saber matemático”, diz Milane.

O professor Gledson Guimarães, por sua vez, utilizou o jogo Formas e Cores para introduzir os conceitos de áreas, perímetros e de formas geométricas poligonais aos alunos do 7º ano.

Já Thiago Nascimento apostou no jogo Abalone para trabalhar, com estudantes do 7º ano, o conteúdo regra de três com o intuito de compreender a importância do apoio mútuo para resolução de um problema matemático.

Boas práticas

O evento Regional da Práticas Exitosas busca reconhecer boas práticas na utilização da metodologia, que integra jogos de raciocínio às salas de aula com a mediação de professores para que os alunos possam transpor o aprendizado para suas vidas e desenvolvam características importantes como capacidade de trabalho em equipe, empatia, resiliência e pensamento analítico.

Primeira colocada, Milane Marinho apresentará seu projeto em São Paulo, no dia 14 de janeiro, junto a docentes de outras dez localidades do país.

O encontro reuniu professores, diretores, formadores, educadores e equipe da Mind Lab.

“Os jogos de raciocínio são ferramentas que permitem trabalhar diversas questões essenciais para o cotidiano dos alunos de forma criativa, lúdica e conectada à realidade. Na Paraíba, temos o privilégio de compartilhar histórias inspiradoras de utilização dessa metodologia para expandir o conhecimento das crianças e jovens”, afirma Sandra Garcia, diretora pedagógica da Mind Lab.

No Brasil, há 5.000 professores capacitados para aplicar a metodologia da Mind Lab em 17 estados brasileiros. O programa MenteInovadora tem resultados comprovados no desenvolvimento socioemocional de alunos do ensino infantil ao pré-vestibular, informa texto de divulgação do prêmio.

“O principal diferencial do Mente Inovadora é a integração de jogos de raciocínio à grade de aulas, com a mediação de um professor capacitado pelo programa. Os jogos estimulam os alunos a experimentar em um contexto controlado situações da vida real. São desenvolvidos por especialistas israelenses e brasileiros que atuam no campo da psicopedagogia, neurociência e educação. A metodologia é utilizada em 21 países.

Fundada em Israel em 1994, a Mind Lab atende milhões de alunos, “sendo reconhecida e apoiada por importantes instituições nacionais e internacionais”. No Brasil desde 2006, é parceira de mais de mil instituições de ensino do setor público e privado em 17 estados.

  • Com informações, texto e foto de Daniela Garcia, do Grupo CDI Comunicação e Marketing

Comente

Não publicamos ofensas pessoais. O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *