Projeto leva cordel ao rádio e é destaque em publicação

Poeta campinense Marconi Araújo (Foto: Radioweb Zumbi dos Palmares)

Uma das mais tradicionais representações da cultura popular nordestina, o cordel é destaque em plaqueta lançada em Itabaiana na última sexta-feira (18), durante abertura da exposição dos artistas plásticos Otto Cavalcanti e Thiago Alves.

A obra tem patrocínio do Fundo de Incentivo à Cultura Augusto dos Anjos, da Secretaria Estadual de Cultura, focalizando oito poetas ligados à Academia de Cordel do Vale do Paraíba.

Com apresentação de Fábio Mozart, a publicação ressalta a produção dos poetas Josafá de Orós, Vavá da Luz, Thiago Alves, Tiago Monteiro, Sander Lee, Marconi Araújo, Bebé de Natércio e Rui Vieira, os quais gravaram depoimentos para DVD do projeto “Cordel na Rádio Comunitária” e registraram entrevistas para rádios comunitárias do Estado.

A solenidade de lançamento contou com o prefeito de Itabaiana, Lúcio Flávio, a Secretária de Cultura, Socorro Almeida, o vereador Pedro José da Silva, Presidente da Câmara Municipal a professora Neide Silveira, Secretária de Educação, além de poetas e artistas de outros segmentos da comunidade.

Para a jornalista Socorro Almeida, a coordenação da exposição das artes visuais e o lançamento do projeto “Cordel na Rádio Comunitária” é sua primeira ação como Secretária Executiva de Cultura de Itabaiana, ‘reafirmando o compromisso da gestão do prefeito Lúcio Flávio com o segmento cultural e o posicionamento do Governo do Estado em dar visibilidade aos artistas paraibanos’.

O evento serviu como abertura da semana de aniversário de emancipação política do Município, culminando com o Festival Sivuca de Jazz e Blues no dia 26 de maio às 19 horas, no anfiteatro da Praça Epitácio Pessoa.

  • Com informações e texto da Rádio Zumbi FM

Comente Projeto leva cordel ao rádio e é destaque em publicação

  1. Christiano Almeida Disse:

    Louve-se esta ação que a reportagem noticia. Quiçá não fique em eventos comemorativos desta ou daquela data festiva, mas, que, propague-se das mais variadas formas por este Nordeste rico no verso e de versos.

Comente

Não publicamos ofensas pessoais. O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *