História da Paraíba fora de concurso para professor de História na Paraíba

No concurso público para o magistério do Estado da Paraíba realizado no último domingo (3), candidatos a Professor da História ficaram espantados – alguns indignados – com a absoluta ausência de questões sobre História da Paraíba.

Recém licenciado em História pela UFPB e um dos concorrentes às vagas da disciplina de História na rede de ensino mantida pelo Estado, Giuseppe Lira Filho contou ontem (4) ao blog que outros candidatos com os quais conversou também estranharam o que têm como falha do concurso.

“Conversei com o pessoal e todo mundo achou estranho uma coisa: como é que um concurso da Secretaria de Educação de um Estado como a Paraíba, para selecionar professores de História, não tem uma única questão sobre História da Paraíba?”, questionou.

Ainda segundo Giuseppe Filho, “depois a gente pergunta o porquê de outros estados do Nordeste, como Pernambuco e Bahia, valorizarem tanto as suas histórias”. Por essas e outras, ele lamenta a situação que aguarda os futuros professores de História do Estado quando começarem a ensinar.

“Se nem em uma seleção de professores (o assunto História da Paraíba) é cobrado, imagine na sala de aula”, comentou.

O concurso para professor de ensino fundamental e médio da rede estadual de ensino tem mil vagas distribuídas entre as cadeiras de Língua Portuguesa, Matemática, Geografia, História, Biologia, Química, Física, Língua Inglesa, Educação Física, Sociologia, Filosofia e Artes.

Promovido pelo Governo do Estado, através da Secretaria da Educação, o concurso é organizado pelo Ibade – Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo, de Niterói (RJ), que se apresenta como especializada em planejamento, organização e execução de processos seletivos em todo o país, com experiência de mais de 30 anos no ramo.

Comente

Não publicamos ofensas pessoais. O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *