Joás manda apurar denúncia de fraude em eleição no TJ

Joás Filho, presidente do TJPB (Foto: Gecom/TJPB)

O desembargador Joás Filho, presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), decidiu mandar apurar denúncia segundo a qual estaria ocorrendo fraude em eleição interna para escolha de membros de um Comitê de Gestão de Pessoas.

A denúncia foi feita ao blog na tarde desta quinta-feira (22) por oficiais de Justiça. Segundo relato de um deles, “alguns colegas que foram votar descobriram que seus votos já haviam sido registrados”.

Segundo os denunciantes, “há fortes indícios de que, utilizando-se do CPF, votaram fraudulentamente na referida eleição”. Eles manifestaram a expectativa de que a presidência do TJPB anule a eleição, mande fazer outra e apure a suposta fraude.

“O TJPB tem a obrigação de suspender os efeitos dessa eleição, mandar apurar a fraude, identificar e punir os criminosos e determinar novas eleições”, declarou um que antecipou disposição de pedir providências ao desembargador Joás.

Através da Gerência de Comunicação do TJPB, o desembargador-presidente comunicou que abriria um procedimento de apuração da denúncia, “independentemente de formalização”, garantindo se os fatos forem comprovados determinará a realização de novas eleições.

Comente

Não publicamos ofensas pessoais. O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *